Ipo Cancro Da Prostata Rtp

Ipo cancro da prostata rtp

Quer partilhar este artigo?

No final do ano passado, o Centro Clínico Champalimaud recebeu um novo equipamento que veio permitir, nalguns casos, eliminar o cancro através de uma única sessão de radioterapia. No início, as equipas médicas tinham, em média, cinco ou seis pacientes por semana.

Atualmente "temos entre 40 e 45 pacientes todas as semanas", contou à Lusa Carlo Greco, responsável pelo serviço de radioterapia do centro, que estima que, no final do ano, a média semanal de pacientes chegue aos 60.

Ipo cancro da prostata rtp

"O número de pacientes está sempre a aumentar e, por isso, vamos contratar mais médicos em breve", revelou o diretor de investigação do centro, explicando que a redução de sessões permite receber mais doentes.

Uma das razões para o aumento de pacientes pode passar pela anunciada qualidade do tratamento feito no centro em Lisboa que, segundo Carlo Greco, permite menos sessões de radioterapia e melhores resultados para os doentes.

"O paciente tem menos complicações do que com a radioterapia convencional e maior qualidade de vida.

Forex bank kalmar gebuhren

Muitos pacientes continuam a trabalhar e a ter a sua vida social normalmente", garantiu.

Segundo Carlo Greco, "em vez de 40 sessões, os doentes com cancro da próstata fazem o tratamento em 28 sessões.

Probability procent indicator mt4 binary options

E, dependendo da situação clínica de cada paciente, os doentes com cancro da mama, em vez das tradicionais 30 sessões fazem 20 ou 25 sessões".

O equipamento existente na Fundação Champalimaud é famoso, mas Carlo Greco lembra que "não deixa de ser uma máquina", realçando que a avaliação médica e a qualidade do planeamento de tratamento é que definem a forma de utilizar a máquina: "Não posso conduzir um carro de Fórmula 1 se não sou um piloto.

É preciso um piloto para conseguir retirar o máximo do equipamento".

Uma equipa internacional de investigadores e médicos, de 28 nacionalidades, fazem investigação ao mais alto nível.

Ipo cancro da prostata rtp

Neste momento, a Fundação está a tentar recrutar ainda mais investigadores.

A maioria dos pacientes tratados no centro tem seguros de saúde e alguns fazem parte da ADSE.

Também existem pacientes enviados pelos IPO (Instituto Português de Oncologia).

Cancro da Próstata - Maratona da Saúde - Praça da Alegria - RTP

Carlo Greco diz que na fundação são tratados entre cinco a seis novos pacientes do IPO todas as semanas e que a direção deseja "aumentar este número".

A maioria dos pacientes são portugueses, mas também existem estrageiros, "habitualmente, pessoas que costumam vir a Portugal de férias e têm casa no país".

Tilray ipo red herring prospectus

Hoje, o Centro Champalimaud recebe cientistas e médicos das mais prestigiadas instituições científicas da Europa e Estados Unidos para apresentar e debater o estado da investigação em cancro e os novos avanços.

Sobre a investigação em Portugal, Carlo Greco entende que o trabalho desenvolvido no centro Champalimaud é um "mundo à parte" do que se passa no resto do país: "A Fundação oferece uma plataforma única, não só em Portugal, mas em toda a Europa. Há muito poucos centros, em todo o mundo, que podem oferecer estas oportunidades."

Ipo cancro da prostata rtp